Liberdade para Jesús Santrich!

Nesta segunda-feira (09/04) se tornou pública a detenção do dirigente da Fuerza Alternativa Revolucionária del Común (FARC) Jesús Santrich pela fiscalia colombiana, a mando do governo dos Estados Unidos.  A prisão, sem provas, é mais uma forma de atacar o processo de paz na Colômbia e as organizações revolucionárias deste país. Os Estados Unidos acusam Jesús de ter envolvimento com narcotráfico, controlando envios de remessas de drogas da Colômbia para os EUA e exigem que o militante seja preso extraditado – numa medida sem qualquer previsão legal e numa clara tentativa de desarticular a FARC.

Esta prisão configura mais um desrespeito ao acordo firmado em Havana, em 2017. O acordo de paz não vem sendo cumprido em vários aspectos. No que concerne à reinserção de ex-guerrilheiros à vida civil, às eleições e à produção agrícola, foram cumpridos em torno de 20% por parte do governo de Manuel Santos, enquanto o movimento está totalmente comprometido com a garantia da paz para o povo colombiano. A detenção de Santrich, um dos principais críticos ao descumprimento do acordo, é um ataque claro.

Nós, da Juventude Comunista Avançando, do Movimento Avançando Sindical e do Polo Comunista Luiz Carlos Prestes, repudiamos essa prisão e todo o ataque imperialista à Colômbia e à FARC! Avante companheiros/as! Os povos oprimidos latinoamericanos precisam se unir contra a criminalização da luta e pela garantia da liberdade de organização!

Nos solidarizamos com Jesús Santrich e com a Fuerza Alternativa Revolucionária del Común – exemplos de resistência à barbárie capitalista na América Latina e no mundo.

Liberdade para Jesús Santrich já!

Em defesa da paz e do povo colombiano!



Juventude Comunista Avançando
Movimento Avançando Sindical
Polo Comunista Luiz Carlos Prestes

11.04.2018


 

.

.

.

Multimídia

You need Flash player 6+ and JavaScript enabled to view this video.
Watching: Saudação do PCLCP ao Congresso de Fundação da Central
Playlist: 0 | 1 | 2