O Governo Dilma, a greve nacional dos docentes e a universidade de serviços

Por Roberto Leher, docente da UFRJ

A longa sequencia de gestos protelatórios que levaram os docentes das IFES a uma de suas maiores greves, alcançando 48 universidades em todo país (28/05), acaba de ganhar mais um episódio: o governo da presidenta Dilma cancelou a reunião do Grupo de Trabalho (espaço supostamente de negociação da carreira) do dia 28 de maio que, afinal, poderia abrir caminho para a solução da greve nacional que já completa longos dez dias.

Leia mais...

Mandato do Deputado Estadual Amauri Soares realizará plenária com movimentos sociais, sindicais e estudantis

A plenária será realizada no dia 31 de maio de 2012, quinta-feira, às 18h30, no Plenarinho da ALESC, tendo como objetivo contribuir com a organização das lutas na região.

Leia mais...

Distrito Federal: 1.500 famílias podem ser despejadas em ocupação na Ceilândia


Por Jorge AméricoRadioagência NP 

Terreno pertence à Companhia Imobiliária de Brasília (Terracap) e está ocupado por cerca de 1,5 mil famílias. Prazo estabelecido pela Justiça para a desocupação se encerrou no último domingo (20).

Leia mais...

Entre duas árduas batalhas

por KKE [*]

A Grécia continua a atrair a atenção de trabalhadores de muitos países de todo o mundo, considerando as novas e crucialmente importantes eleições parlamentares, as quais serão efectuadas a 17 de Junho, pois nenhum dos três partidos que receberam maior número de votos pôde forma uma coligação de governo. De particular interesse, a julgar pelos artigos relevantes em jornais, revistas e sítios web comunistas e progressistas, estão os resultados das eleições recentes bem como a linha política traçada pelo Partido Comunista da Grécia (KKE), o qual ficou na linha de fogo de vários analistas neste período. Mas vamos começar pelo começo.

Leia mais...

A Marcha Patriotica, oposição estigmatizada e ameaçada

 

Por Luis Jairo Ramirez H.

As reações histéricas, quase instintivas, da atual direção do país frente à emergência do movimento social e político – Marcha Patriótica – nos mostram de novo uma oligarquia colombiana petrificada, que não permite evolução alguma para a democracia.

Leia mais...

.

.

.

Multimídia

You need Flash player 6+ and JavaScript enabled to view this video.
Watching: Entrevista com Luiz Carlos Prestes em 1985 na Tv Paraná
Playlist: 0 | 1 | 2