Despejo violento na ocupação da antiga Skol expõe o Estado de exceção

PCLCP-RJ

A antiga cervejaria, abandonada desde 1994 foi ocupada por quase 500 famílias do Complexo do Alemão em 2001. Em 2011 a Ocupação foi despejada e as casas dos moradores foram destruídas, com a promessa de que as famílias seriam reassentadas no mesmo local, que daria lugar a um novo conjunto habitacional. Essa informação foi publicada no Diário Oficial e na imprensa oficial do Governo do Estado1.

Para dar início às obras foi acordado entre as partes (Ex-Governador Sérgio Cabral e as famílias) que todas as famílias seriam cadastradas no aluguel social. Neste ano de 2016, após constantes atrasos de pagamento, despejados de suas casas, e enganados pelo Governo do Estado – até hoje não há nenhuma perspectiva do início das obras – não restou outra opção a não ser reocupar o terreno onde ficava a comunidade.

Leia mais...

Calúnia e falsificação histórica: a tática das classes dominantes e dos oportunistas para combater o legado de Luiz Carlos Prestes

Por Davi Machado Perez / PCLCP - SC

Há um episódio da trajetória de Luiz Carlos Prestes e do movimento comunista no Brasil que é sistematicamente manipulado ou falsificado pelos intelectuais orgânicos das classes dominantes com o objetivo de combater ou ocultar a imagem histórica do Cavaleiro da Esperança. As conclusões rasas sobre o fato são costumeiramente utilizadas como “saída pela tangente” para qualquer debate político que envolva o legado de Prestes. Trata-se do apoio que os comunistas deram à política de Getúlio Vargas quanto este se colocou ao lado dos aliados e contra o nazi-fascismo no desfecho da Segunda Guerra Mundial. As falsificações grosseiras sobre o fato e os seus antecedentes são constantemente reproduzidas por aqueles que estão enganando ou pelos que estão enganados.

Leia mais...

Nota política do PCLCP-SC: eleger Rafael Melo prefeito e Vivian Haviaras vereadora em São José!

A cidade de São José é a quarta mais populosa e a sexta com o Produto Interno Bruto (PIB) mais alto de Santa Catarina. Pertencente à Grande Florianópolis destaca-se economicamente pelo setor de serviços e por uma área industrial destacável em relação às outras cidades da região metropolitana.

Leia mais...

Posição do PCLCP sobre as eleições municipais em Florianópolis-SC

O estado catarinense sempre manteve o poder oligárquico aliado aos setores da burguesia industrial, bancária e latifundiária; ou seja, temos um dos estados com maiores índices de indústrias, porém, no plano político, conservamos uma classe dominante extremamente conservadora. O governo Raimundo Colombo (PSD) representa os estratos dominantes da burguesia de nosso estado e têm seguido uma política econômica de isenção de impostos para as grandes empresas e sucateamento dos serviços públicos, principalmente com a privatização de atividades essenciais, como a saúde por meio de OS’s.

Leia mais...

SEM ORGANIZAÇÃO POPULAR DE MASSAS, NÃO HAVERÁ VITÓRIA!


Nota política nacional do PCLCP

Há praticamente um ano ficou claro que as forças golpistas perfilaram e acertaram o passo para afastar Dilma Rousseff do governo central do Brasil. O que vinham preparando pelo menos desde 2013, estava maduro para ser executado. E executaram.

As forças populares estiveram ao longo de todo esse tempo encontrando formas para a própria dispersão. A insuficiência de avaliação levou aos mais diversos erros táticos das mais variadas forças políticas que compõe o amplo espectro das forças de origem popular: os que estavam no governo avaliaram que, seguindo ainda mais à direita, continuariam tendo a confiança e o beneplácito dos monopólios, do latifúndio e do imperialismo, e essa tática isolou ainda mais o governo Dilma da classe trabalhadora, inviabilizando a defesa do governo.

Leia mais...

.

.

.

Multimídia

You need Flash player 6+ and JavaScript enabled to view this video.
Watching: Convocatória II SENUP
Playlist: 0 | 1 | 2